11.10.16

Ah, meu Deus!

11.10.16

Ah, meu Deus!
A vida bem que poderia se resumir 
A um belo dia de sol 
Areia quente 
Pensamentos indo e vindo 
Uma paz grandiosa 
Coração cheio de alegria 
Sentar à sombra do jambeiro 
Mergulhar no rio que chora 
Alegrias bobas pra sorrir 
Confidências 
Um olhar que diz tudo 
Um silêncio que exalta os sentimentos 
Esperanças 
Utopias. 
Ah, meu Deus!
Dá-me o prazer 
De ser céu 
De ser estrela 
De ser terra 
De ser pó
De ser profeta
De ser ar
De ser amor
Dá-me o prazer 
Somente de Ser.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Entre notas de rodapé - 2017

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©