5.5.14

Hora de me desculpar

5.5.14

Aqui, diante do desafio de olhar para essa folha em branco, venho me desculpar: Desculpar-me pelas coisas que falei. Pelas coisas que eu senti. Desculpar-me pela minha forma de amar. 
Quero me desculpar pela minha incoerência em certas situações. Pelas palavras nunca ditas. Pelas brincadeiras que, muitas vezes feriram meu próximo. Quero desculpar-me pelo meu egoísmo. Pela minha ansiedade... Por tudo aquilo que eu não senti e vivi...
São tantas as desculpas, que esta folha de papel torna-se pequena. Mas eu tenho consciência de que isso é a minha imaturidade. Só não tenho como garantir que eu faria tudo diferente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Entre notas de rodapé - 2017

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©